PESTO & PARMESAN BISCUITS /// Scones de Pesto & Parmesão

pesto-parm-biscuits-@entrejardins.com

 

(versão portuguesa no final da página)

There have been quite a few variations of this recipe, each time with the ingredients we have in our pantry and fridge. If there’s an ingredient missing when making a recipe I never bother going to the store to buy it, improvisation usually turns out just as well, sometimes we have surprises that range from ‘This is really, really good!’ to ‘Ooops’. Hahaa. Take these biscuits for example, they happened out of a need to make something to complement a vegetable soup, use up some leftover pesto and some cheese that was just past its expiration date.. Since then, there have been a lot of variations of that original recipe, a fair amount of them vegan. As Camille and I have different preferences, the recipe has instructions for both cheese-free and full-cheese versions.

When buying cheese, we prefer to rely on a small local farmer for a good quality product, respectful of animal’s wellbeing. More expensive, we agree, but well worth it regarding both taste and sustainability.

Speaking of sustainability, origin and fabrication method are constant questions in our minds when buying groceries, well, each time we buy anything. Where does this food / article come from? How was it made or grown? Is this in season?

It’s a nightmare.

I mean, it’s a nightmare to realise SO MANY things in supermarkets are really dubious regarding at least one of these questions – origin, fabrication, season, packaging, quality. We try our best to consume wisely, to buy food that’s both good for our bodies and the environment, to support local farmers instead of a profit driven industry. You know the words, ‘Buy organic, seasonal and local’. The thing is these are not just words, these things matter, as often details do, and they make all the difference.

 

pesto-parm-biscuits-@entrejardins.com

PESTO & PARMESAN BISCUITS

Notes:  FLOURS – you can easily make your own by blending the indicated amounts of rice grains, chickpea and / or rolled oats and measuring the flour again in the end.

CHEESE – Do feel free to use other types of cheese if you have a favourite local or homemade cheese. I’ve tried mozzarella, which was great and indulgent; I’m thinking pecorino, feta or even homemade ricotta would also be nice parmesan replacements.

PESTO – this is a good recipe to use up leftover pesto and a great excuse to make a new batch. However, it is also possible (albeit a compromise in deliciousness) to use a bunch of very finely chopped parsley, thyme and/or rosemary or other combination of herbs.

Makes 9 biscuits

Dry ingredients:

  • 1 1/3 cups oat flour
  • 2/3 cup chickpea flour
  • 1/2 cup rice flour
  • 1 teaspoon baking powder
  • ½ teaspoon baking soda
  • ½ teaspoon sea salt
  • ½ teaspoon black pepper
  • ½ teaspoon turmeric

Wet ingredients:

  • 1 cup coconut milk (or other plant milk of choice)
  • juice from ½ lemon
  • ¼ cup + 2 teaspoons olive oil – divided
  • 1 onion, chopped
  • 2 garlic cloves, minced
  • ½ cup pesto (see recipe below)
  • ½ cup grated organic parmesan OR vegan walnut parmesan (see recipe below)

 

Measure 1 cup of coconut / plant milk, add the juice of half a lemon to it and set aside.

Heat a skillet over medium heat; add 2 tablespoons olive oil and chopped onion and minced garlic. Sauté for 2-3 minutes until the onion is tender and translucent.

Preheat oven to 200°C.

Mix all dry ingredients in bowl. Add ¼ cup of olive oil a mix a few times with a spoon or spatula. Add coconut milk + lemon juice and mix a couple of times just to incorporate slightly before adding the rest of the ingredients. Add the sautéed onion and garlic, pesto and parmesan (vegan or regular one) and fold them carefully into the batter with as little strokes as possible. Some flecks of dry flour are ok, do not over mix!

Line a baking sheet with paper and spoon the batter into 9 biscuits (aprox. 2 heaping tablespoons each). Bake for 18-22 minutes or until golden brown.

  

VEGAN WALNUT PARMESAN

Makes ~1 cup

  • 2/3 cup walnuts, lightly toasted
  • 1/3 cup cashews, lightly toasted
  • ¼ cup nutritional yeast
  • ¼ teaspoon sea salt
  • freshly milled black pepper

Combine all ingredients in a food processor until you have a fine, sandy mixture.

 

PESTO

Makes ~2,5 cups

  • 2/3 cup walnuts + sunflower seeds (half-half), lightly toasted
  • 3 packed cups carrot tops (or any herb combo of choice – parsley, basil, spinach, kale, etc)
  • 1 garlic clove
  • 1 lemon, juice + zest
  • 4 Tablespoons olive oil
  • sea salt and black pepper to taste

Combine all ingredients in a food processor until you have a smooth pesto. Add water to thin if desired.

 

pesto-parm-biscuits-@entrejardins.com

 

Já fizemos uma boa dose de variações desta receita, cada vez com ingredientes diferentes dependendo do que temos no nosso frigorífico e despensa. Se falta algum ingrediente para fazer uma receita, tenho por principio adoptar uma estratégia de improvisação (em vez de ir de propósito ao super-mercado), que é como quem diz, viver perigosamente entre uma gama de surpresas que podem ir do ‘Mas isto é mesmo muito bom!’ ao globalmente temido ‘Ooops’. Vejam estes scones por exemplo, nasceram de uma necessidade de fazer um acompanhamento de uma sopa de legumes, de usar um resto de pesto e de um pedaço de queijo acabado de passar a data limite de consumo… Desde então houveram várias variações da receita original, muitas delas sem produtos animais. Como O Camille e eu temos preferências diferentes, a receita oferece instruções para ambas versões, com e sem queijo.

Quando compramos queijo, preferimos confiar num pequeno produtor local para um produto de boa qualidade e respeitador do bem estar dos animais. Mais caro, estamos de acordo, mas o acréscimo de preço acompanha um acréscimo de qualidade, de sabor e sustentabilidade.

A propósito de sustentabilidade, origem e modo de fabricação são questões que nos colocamos constantemente cada vez que compramos algo – não só as frutas e legumes mas qualquer tipo de bem de consumo. De onde vem esta comida / artigo? Como foi feito ou cultivado? É um fruto / legume da época?

É um pesadelo.

Quero dizer, é um pesadelo compreender que tantos artigos nos supermercados são realmente duvidosos em relação a pelo menos uma destas questões – origem, fabricação, da época, embalagem, qualidade. Fazemos o nosso melhor para consumir sabiamente, para comprar comida que faça bem aos nossos corpos e ao meio que nos rodeia, que suporte os pequenos produtores locais em vez de uma industria regida pelo lucro. Vocês já conhecem as palavras ‘ Comprar produtos locais, da época e de origem biológica’, só que estas não são só palavras, estas coisas têm importância, como os detalhes que frequentemente fazer pesar a balança para um lado ou para o outro, e fazem toda a diferença.

 

SCONES DE PESTO E PARMESÃO

Notas: FARINHAS – podem fazê-las facilmente em casa colocando a quantidade indicada de arroz, grão de bico e/ou flocos de aveia num liquidificador e misturar na velocidade máxima até obter uma consistência de farinha. Medir novamente a farinha no final.

PARMESÃO VEGANO – a levedura nutricional (não é a mesma coisa que levedura de cerveja) é feita a partir de leveduras inactivas e tem um agradável sabor a noz e queijo. Pode ser mais facilmente encontrada em lojas de produtos naturais.

PESTO – esta é uma boa receita para usar um resto de pesto e uma óptima desculpa para fazer uma nova dose. No entanto, também é possível (se bem que um compromisso a nível gustativo) usar um molho de salsa picada finamente, com tomilho e / ou rosmaninho ou outra combinação de ervas aromáticas.

Faz 9 scones

Ingredientes secos:

  • 1 1/3 chávena de farinha de aveia
  • 2/3 chávena de farinha de grão de bico
  • ½ chávena de farinha de arroz
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • ½ colher de chá de bicarbonato de soda
  • ½ colher de chá de sal marinho
  • ½ colher de chá de pimenta preta
  • ½ colher de chá de curcuma

Ingredientes líquidos:

  • 1 chávena de leite de coco (ou outro leite vegetal)
  • sumo de meio limão
  • ¼ chávena + 2 colheres de sopa de azeite – dividido
  • 1 cebola picada
  • 2 dentes de alho picados
  • ½ chávena de pesto (ver receita em baixo)
  • ½ chávena de parmesão de origem biológica OU parmesão de noz vegano (ver receita em baixo)

 

Colocar o leite de coco numa tijela e adicionar o sumo de limão e deixar repousar.

Aquecer uma frigideira sobre lume médio, adicionar 2 colheres de sopa de azeite, a cebola e o alho e saltear 2-3 minutos até a cebola estiver translúcida.

Pré aquecer o forno a 200°C.

Misturar todos os ingredientes secos numa saladeira. Acrescentar ¼ de chávena de azeite e misturar algumas com uma colher ou espátula. Adicionar o leite de coco e envolvê-lo ligeiramente com uma colher (2 ou 3 vezes é suficiente). Acrescentar a cebola e alho, o pesto e o parmesão (vegano ou normal) e envolver cuidadosamente na massa com o menor número de voltas possível. Não faz mal se ainda persistirem alguns pedacinhos de farinha seca, é importante não misturar demasiado!

Colocar papel de forno num tabuleiro e dividir a massa em 9 biscoitos com a ajuda de uma colher (aproximadamente 2 colheres de sopa cada). Levar ao forno durante 18-22 minutos ou até estiverem dourados.

 

PARMESÃO DE NOZ VEGANO

Faz ~1 chávena

  • 2/3 chávena de nozes, ligeiramente tostadas
  • 1/3 chávena de caju, ligeiramente tostados
  • ¼ chávena de levedura nutricional
  • ¼ colher de chá de sal marinho
  • pimenta preta moída de fresco

Colocar todos os ingredientes num robot de cozinha com lâmina em S e misturar até obter uma consistência de areia fina.

 

PESTO 

Faz ~2,5 chávenas

  • 2/3 chávena de nozes + sementes de girassol (metade-metade), ligeiramente tostadas
  • 3 chávenas bem cheias de verduras de cenouras (ou outra mistura de ervas aromáticas e verduras – salsa, manjericão, espinafres, kale,…)
  • 1 dente de alho
  • 1 limão, sumo + raspa
  • 4 colheres de sopa de azeite
  • sal marinho e pimenta preta a gosto

Colocar todos os ingredientes num robot de cozinha com lâmina em S e misturar até obter uma mistura homogénea. Acrescentar um pouco de água se estiver demasiado espesso.

 

Advertisements

Leave a Comment

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s